Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BUSSACO

PROPRIA DOMUS OMNIUM OPTIMA

BUSSACO

PROPRIA DOMUS OMNIUM OPTIMA

21
Nov10

CRISTO DO BUÇACO

Peter

                                                                                                                            

Este postal com mais de  meio século representa o passo

das filhas de Jerusalém na Via Sacra do Buçaco.

Tal como os portugueses  de hoje, Cristo, sedento,

carrega a sua pesada cruz.

Escultura em terracota de Costa Mota, Sobrinho, 1938.

 

(saber mais ver :        

  http://bucaco.blogs.sapo.pt/3158.html   )

31
Out10

RAINHA D.AMÉLIA NO BUÇACO

Peter

 

                                                                                                               

 Em  Maio de 1945  , a convite de Salazar, veio a  Portugal

a Rainha D. Amélia.

Visitou  Lisboa, Sintra, Ericeira,Fátima ,

Batalha e no mês de Junho descansou uns dias

no Palace Hotel do Bussaco.

Na capela do Mosteiro assistiu a uma missa celebrada pelo

bispo de Coimbra.

É dessa estadia a fotografia acima tirada na galeria do Hotel. 

25
Out10

AMORES REAIS

Peter

       

 

Grande paixão do último rei de Portugal ,

Gaby Deslys teve com o monarca uma relação

que passou também pelo Buçaco, palco e cenário

de  subtis encontros amorosos dias antes da

Implantação da Republica.

Juntamente com as comemorações da Implantação

passaram também  100 anos sobre o acontecimento

 sobre o qual a rainha D. Amélia teceu o seguinte comentário:

 

“Vim a saber pelas más-línguas que Manuel ainda

 tem uma paixoneta por essa divazinha do music-hall parisiense,

Gaby Deslys, de origem marselhesa, cujo verdadeiro nome

 é Gabrielle Caire. Correm boatos segundo os quais Manuel

segue as pisadas do pai e os seus esforços políticos serão

 imediatamente anulados por isso”.

 

      ver:   http://bucaco.blogs.sapo.pt/9852.html

09
Out10

DESLEIXO E ABANDONO

Peter

 

                                                                                                             

O Bloco de Esquerda visitou a MATA NACIONAL

DO BUÇACO. Não  gostou. Fala em desleixo,

abandono, falta de cuidado!

Fala em plano de intervenção e reparação  do património.

Vai para a Assembleia da Republica com a proposta.

Os funcionários reduzem-se a CINCO RECLUSOS

da prisão de Coimbra, diz.                                                              

Será o resultado do sapateiro a tocar viola????

Já temos denunciado a situação , a MATA NACIONAL

do Buçaco precisa duma intervençao a sério ,

por quem saiba do ofício, não por curiosos amadores.

As  fundações socráticas não possuem esses predicados !!!

Os municípios também não.

SALVAR A MATA , só com profissionais competentes.

                                                                                                                                           

 

07
Out10

27 de SETEMBRO

Peter

 Bateria de artilharia ( foto gentilmente cedida por Carlos Ferraz)

 

Com a presença do Presidente da Republica comemorou-se

no dia 27 de Setembro o segundo Centenário da Batalha do Buçaco.

Das recriações  levadas a efeito, um testemunho.

 

 

  Disparar  ( foto cedida gentilmente por Carlos ferraz)

Outro aspecto da reconstitução levada a efeito

 no local da batalha.

 

O melhor documentário , (de frente e de tráz)

com uma vénia á Escola Secundária da Mealhada .

VER : 

 

23
Set10

SEGUNDO CENTENÁRIO

Peter

 

            

            200 ANOS DEPOIS

 

Passam no dia 27 de Setembro

200 sobre a Batalha do Bussaco,

uma fase importante da Guerra Peninsular.

Embora  esta batalha só tenha sido validada

após a vitória definitiva de Waterloo e durante

a construção do mito de Wellington, 

que a regista no seu túmulo na Catedral

de S. Paulo, em Londres.

Seja considerada batalha ou escaramuça,

veio a  ser uma referência importante no

contexto das invasões e foi sem dúvida

um momento dificil da história pátria

e das populações que a sofreram.

A lembrança dos acontecimentos duzentos

anos após ,ainda que  limitados a um episódio 

da europa actual deveriam ser pois

um momento de reflexão

sobre o todo que somos e menos manisfestação

de exaltações exacerbadas ou de  patriotismo

serôdio que faze parte da prateleira da história.

 

(ver ,onde foi a batalha  em  http://bucaco.blogs.sapo.pt/

             http://bucaco.blogs.sapo.pt/ )

  

12
Set10

NO PAÍS DAS MARAVILHAS-2

Peter

 

 

PARA BEM DO PRÓPRIO BUÇACO,

....ainda bem que o Buçaco saiu imune á pateguice

 em que alguns incautos o meteram!

...porque  a realidade é que estes prémios

de tipo revistas cor de rosa  de qualidade nula,

 só  trazem despretígio a quem participa e

verdadeiramente não atestam nada nem têm

 garantias de ninguém.

São o espelho do estado deprimente em que se

 vive neste país milagreiro e nada mais.

O Buçaco ou Sintra, ou a Floresta de Laurissilva,

 não fazem parte desta feira de vaidades

 onde tudo é vazio e ôco. São realidades sérias

demais para negócios de circunstância e de conjuntura.

Este não é o caminho certo para colocar o Buçaco

no lugar certo, donde aliás já esteve muito mais perto

do que está hoje.

Mais sobre mim

foto do autor

VISITAS

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D